Aula Magna de Compliance e Governança é lecionada pelo Ministro Antônio Saldanha

Na manhã de hoje (6), foi realizada Aula Magna do MBA em Compliance e Governança no Auditório da FACE (Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Gestão de Políticas Públicas), na Universidade de Brasília.

A aula foi ministrada pelo Exmo. Sr. Antônio Saldanha Palheiro, ministro do Superior Tribunal de Justiça, juntamente com a bancada, composta pela decana de Pós-Graduação, Helena Shimizu; o diretor da FACE, Eduardo Tadeu Vieira; o diretor do Centro de Pesquisa em Gestão, Inovação e Sustentabilidade (CPGIS/FACE), Alexandre Maduro; e o superintendente da Finatec, Marcos Antônio Figueiredo.

A promoção e o apoio à educação estão entre as finalidades estatutárias da Finatec. Após um longo período de afastamento, em 2017 a Finatec retomou a gestão administrativo-financeira de cursos de pós-graduação lato sensu e de extensão ofertados pela Universidade de Brasília. Mais do que recursos destinados à Unb, esta retomada representa a transferência do conhecimento da academia para a sociedade.

Para a Finatec, trata-se de uma oportunidade de estreitar ainda mais o relacionamento com a Unb, seus docentes, alunos e, principalmente, de atender as demandas da sociedade, sobretudo com uma temática como a deste MBA em Compliance e Governança, de grande relevância para a situação atual de nosso país.

Os Programas de Compliance – também conhecidos como de conformidade, de cumprimento e de integridade – são cada vez mais relevantes para criar padrões de condutas institucionais, prevenir o descumprimento de obrigações legais e regulatórias e evitar os riscos e ilícitos.

Esta é a primeira turma do curso, que pretende formar gestores preocupados com a governança de suas instituições e de nosso país, e oblar plenas condições e conhecimentos específicos que os habilitarão a usar ou a criar procedimentos para alinhar interesses dos governos, das empresas e da sociedade.

Para saber mais sobre o curso, clique aqui.

Foto: Luis Gustavo Prado/Secom UnB.

Com patrocínio da Finatec, CDT-UnB promove o iNOVATECH; confira programação

Com o intuito de cooperar com o novo retrato empreendedor de Brasília, o Centro de Apoio ao Desenvolvimento Tecnológico (CDT/ UnB), com o patrocínio da Finatec, realiza o iNOVATECH.

A proposta é colocar os participantes em contato com metodologias e experiências inovadoras, seja fora ou dentro da universidade, além de ceder espaço para alunos que já colaboram com a universidade nesse aspecto. Desenvolve, também, atividades que disseminam a cultura empreendedora e de inovação para negócios, produtos, serviços e processos.

A primeira etapa do evento aconteceu nos dias 10 e 11 de maio, no Instituto de Química (IQ), com a participação de empresários, pesquisadores da Universidade, Startups, professores e universitários. Nos próximos dias, de 16 a 18 de maio, acontecerá o encontro na Faculdade de Direito (FD) da UnB, cuja programação completa conta com palestras de inovações e específicas, minicursos e mesas redondas em prol de alunos e mestres, e pode ser conferida abaixo:

16/05:

18h: Palestra de Abertura, com Prof. Sanderson César (Diretor do CDT)
19h: Palestra – “A Crise do sistema Democrático”, com Benedito Cerezzo Pereira Filho (USP)
20h: MINICURSO: Seja Criativo e Inovador na Prática, com Gabriel Aragão (Criados para Criar)

17/05:

09h: Mesa redonda – Startup e IoT, com Gabriel dos Reis Wanissang (LAPIN), Sergio Alves (MCTIC/IDP) e Caio César de Mello e Silva (ICTS)
10h: Mesa redonda – Criptomoedas, com Breno Rodrigues Brito (Octabank), Ricardo Fernandes Paixão (UnB) e Marcelo Amarante Ferreira Gomes (LAPIN)
11h: Palestra – Entenda como as regras contratuais podem afetar seu negócio, com Guilherme Chaves (Associação de Jovens Empresários do DF)
14h: Palestra – “Modulação Jurídica em ciência e tecnologia – Desafios e Perspectiva”, com Ana Cláudia Farranha (UnB)
15h: Minicurso – Design Thinking, com Eduardo dos Santos Batista (Grupo DOPFISA) e Maria Eugênia Souza de Athayde Nunes (Grupo DOPFISA)
19h: Palestra – “Startup – do registro ao contrato de investimento”, com Fernando Carrusca Lima Britto (Amaury Nunes & Advogados Associados)
20h: Mesa redonda – Tratamento de Dados Pessoais, com Bruna Martins Dos Santos (LAPIN), Laura Schertel Mendes (IDP) e Thiago Luís Sombra (UnB)

18/05:

9h: Palestra – “Marcas, Patentes e Direitos Autorais: A advocacia da Propriedade Intelectual”, com Lívia Pereira de Araújo (CDT) e Thiago Guimarães Moraes (LAPIN)
10h: Minicurso – Contratos de PI e Transferência de tecnologia, com Lívia Pereira de Araújo (CDT) e Thiago Guimarães Moraes (LAPIN)
14h: Palestra – Empreendedorismo na formação profissional, com Sonia Marise Salles Carvalho (Vice Diretora do CDT)
15h: Minicurso – Canvas e Pitch, com Eduardo dos Santos Batista e Maria Eugênia Souza de Athayde Nunes (Grupo DOPFISA)
19h: Palestra – “Contribuindo para a inovação em direito e tecnologia”, com Henrique Araujo Costa (DireitoTec)
20h: Encerramento

As duas próximas irão acontecer nos Institutos de Ciências Biológicas (IB) e de Artes (IdA), ainda sem data divulgada.

Há dois anos desde sua criação, a iNOVATECH já contou com mais de 8 edições, sendo assim o total de 105 palestras, 35 minicursos e 16 mesas-redondas. Seu objetivo principal é promover um ambiente universitário mais hábil para o mercado de trabalho, oferecendo palestras e minicursos gratuitos direcionados à inovação e empreendedorismo, cuja prioridade é criar oportunidade de negócio e difundir a cultura laboriosa focada na tecnologia e inovação.

DESAFIO iNOVATECH

Para a primeira edição desse ano, o formato do Desafio iNOVATECH que existe desde o primeiro semestre de 2017 foi reformulado. O foco principal é que a equipe consiga ir além da teoria, vendo na prática a inovação em diferentes áreas, e produza alguma base tecnológica para ser apresentada para um grupo de possíveis investidores ao final do semestre, com a oportunidade de ganhar uma orientação do CDT/UnB. É exigido também que o produto ou serviço seja inovador, voltadas às áreas de Direito, Artes, Ciências Biológicas ou Química, isto é, de acordo com o local de onde será realizado o evento.

Os participantes devem se unir em equipes de no máximo 5 pessoas e mínimo de 2, podendo cada um estar escrito em apenas 1 equipe e cada uma pode enviar apenas uma solução, com o objetivo em estimular ideologias inovadoras e criativas dentro da universidade de forma prática, fomentando oportunidades para talentos empreendedores. As etapas e premiações estão descritas no vídeo abaixo e para se inscrever, clique aqui.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out LoudPress Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out LoudPress Enter to Stop Reading Page Content Out LoudScreen Reader Support