Na próxima segunda-feira, 02/08, das 12h às 16h, o site ficará indisponível em função de manutenção na rede da UnB. Agradecemos a compreensão.

FAPDF lança seleção pública para participação e promoção de eventos no valor de 6 milhões

Por meio do seu programa de Apoio à promoção, realização e organização de eventos científicos, tecnológicos e de inovação, a Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAPDF) torna público os processos de seleção para realização de eventos, congressos, seminários, simpósios e workshops, regionais, nacionais e internacionais– Edital o2/2018, a serem executados entre abril de 2018 à março de 2019.

Os recursos destinados ao Edital, busca incentivar e apoiar a divulgação de conhecimento científico, tecnológico e de inovação, bem como a interação entre os diferentes atores do Sistema Nacional de Ciência e Tecnologia- SNCT de modo a contribuir para o desenvolvimento do Distrito Federal e fortalecer a pesquisa, os programas de pós-graduação, o Sistema Distrital de CTI principalmente nos setores e atividades considerados de importância estratégica para o desenvolvimento econômico e social do Distrito Federal.

Já foram realizadas duas chamadas – para eventos entre abril e junho de 2018.

Estão abertas as inscrições para eventos a serem realizados a partir de Julho/2018. Para eventos a serem realizados em Julho, as inscrições se encerram no próximo dia 29.

Cronogram FAP

PODEM PARTICIPAR DA SELEÇÃO
Podem participar desta seleção, pesquisadores e profissionais em Ciência, Tecnologia e Inovação, com formação, experiência e vínculo permanente com Instituições de Ensino ou Pesquisa, públicas ou privadas; Instituições Governamentais Distritais ou Federais atuantes em CTI; e Empresas de Base Tecnológica, sem fins lucrativos.

FIQUE ATENTO
Todos os candidatos ao processo de seleção deverão ter cadastro atualizado no Sistema de Informação e Gestão de Projetos (SIGFAP) da FAPDF.
Os resultados serão divulgados no sitio da Fundação (fap.df.gov.br) e informado por meio de mensagem via SIGFAP, de acordo com os prazos do mês de participação no evento.

CONFIRA O EDITAL

Edital 02/2018 – FAPDF

EMBRAPII promove palestra sobre modelo de inovação e a integração academia-empresas.

A Associação Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial, EMBRAPII, promove nessa quinta (22) às 16h, no Auditório do CDT (Centro de Apoio ao Desenvolvimento Tecnológico – UnB), uma palestra com o Coordenador de Operações, Carlos Eduardo Pereira, sobre o modelo de inovação EMBRAPII e a integração academia-empresas.

Qualificada como Organização Social pelo Poder Público Federal, a EMBRAPII é reconhecida pelo levantamento das colaborações entre instituições de pesquisa tecnológica e empresas industriais, focado na consolidação da inovação brasileira na área. A EMBRAPII atua por meio da cooperação com instituições de pesquisa científica e tecnológica, públicas ou privadas, tendo como foco as demandas empresariais e como alvo o compartilhamento de risco na fase pré-competitiva da inovação. Ao compartilhar riscos de projetos com as empresas, tem objetivo de estimular o setor industrial a inovar mais e com maior intensidade tecnológica para, assim, potencializar a força competitiva das empresas tanto no mercado interno como no mercado internacional.

É de grande valia a participação do corpo acadêmico para que, além da troca de experiências e conhecimentos, possa aproveitar a oportunidade para fazer um primeiro contato com a Associação.

PMI-DF e BID realizam evento sobre gestão de projetos sociais

Na última semana, dia 23 fevereiro de 2018, o PMI-DF, em parceria com o BID e Finatec, e com o apoio da Fundação Banco do Brasil, realizou o Dia da Gestão de Projetos Sociais.

Compuseram a mesa de abertura Nathália Tatagiba, presidente do PMI-DF, Margareth Carneiro, representante do PMI Global, Hugo Flores, representante do BID no Brasil, Marcos Figueiredo, Superintendente da FINATEC, e Asclepius Ramatiz, presidente da Fundação Banco do Brasil.

Na ocasião, Marcia Rocha, especialista em Projetos Sociais do BID, compartilhou sua experiência na Fundação Avina enquanto gerente de projetos e planejamento de políticas sociais trabalhadas no âmbito do terceiro setor. A especialista relatou passo a passo sua atuação para influenciar políticas públicas governamentais, destacando, assim, a possibilidade de diálogos entre o terceiro setor e o setor público.

As características emocionais nos processos de projetos sociais foram tema da apresentação de Francisco Ochoa, especialista da área social do BID no Brasil. O palestrante destacou a importância de se saber lidar com as questões socioemocionais nas execuções de planejamento de trabalhos sociais. “Projetos sociais são significativamente emocionais”, explica o representante do BID.

O encontro contou também com a presença de Rogério Miziara, gerente de parcerias estratégicas e modelagens de programas e projetos da Fundação Banco do Brasil. O convidado apresentou um case da Fundação, ressaltando os processos de construção de projetos sociais, bem como a relevância de se ter o olhar da tecnologia social para esse tipo de projeto. “Este evento é importante para o terceiro setor se profissionalizar e trazer a gestão de projetos para os projetos sociais”, afirma o gerente.

Durante a oportunidade, o grupo musical de jovens do Instituto Reciclando Sons, conduzido por Rejane Pacheco, maestrina e presidente do Instituto, abrilhantou o evento com cinco apresentações. O grupo, compôsto por jovens em situação de vulnerabilidade na cidade Estrutural- DF, demonstrou na prática como um projeto social pode mudar e influenciar vidas.

Além de presenciarem o intercâmbio de experiências entre diversos atores envolvidos com gestão de projetos sociais, como Mário Trentim (PMI-EF), Margareth Carneiro (Board PMI Global) e Rodrigo Silva (PMI-SP), que contribuiram com temas como: “Os desafios de um projeto social”, os participantes também tiveram a oportunidade de conhecer a nova metodologia PM4R (Project Management for Results), em tradução livre Gestão de Projetos Orientada a Resultados, baseada na linguagem comum do Guia PMBOK.

Para a participante Lindamar Elizabeth, o evento é essencial para oferecer suporte e agregar ideias aos envolvidos em gestão de projetos. A advogada, que possui um projeto de Câmara de Mediação Social no DF, afirma esperar mais encontros nos quais se possam ampliar conhecimentos em projetos sociais.

Entenda a PM4R

Criada em colaboração pelo Project Management Institute Global (PMI) e pelo Banco Internacional de Desenvolvimento (BID), a metodologia Project Management for Results (PM4R), baseada na linguagem comum do Guia PMBOK, é uma ferramenta desenvolvida em conjunto para fortalecer a capacidade em gestão de projetos sociais.

Durante o encontro, Ernesto Mondelo, diretor do BID, criador do PM4R e idealizador do evento, destacou a importância da ocasião sendo um encontro de todas as esferas envolvidas em projetos socias. Para o diretor, a parceria do BID enquanto financiador há cinquenta anos de projetos sociais, junto ao PMI, promotor de gestão de projetos, será muito produtiva para geração de novos projetos sociais.

Saiba mais: https://pm4r.org/

 

por Gabriela Lobato

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out LoudPress Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out LoudPress Enter to Stop Reading Page Content Out LoudScreen Reader Support