[Edital] Fundação Boticário

[vc_row][vc_column][vc_column_text]DADOS GERAIS
Edital nº : APOIO A AÇÕES DE CONSERVAÇÃO Edital de Apoio a Projetos – 1º. Semestre 2019

Financiador: Fundação Boticário

Modalidade: Chamada Pública

Quem pode participar:
Pessoas jurídicas sem fins lucrativos, como organizações nãogovernamentais ou fundações e associações. Não são aceitas propostas de instituições públicas, inclusive universidades, inscritas como instituição responsável. Estas instituições podem participar das propostas como instituições parceiras.

Prazos:
23h59min do dia 31 de março.

Etapas da seleção
Proposta:

O documento Orientações para elaboração de projetos Edital de Apoio a Projetos traz detalhadamente como deve ser elaborada a proposta ( roteiro para plano de trabalho e orçamento).

Informações complementares

FORMA DE ENVIO:

Para a inscrição via formulário online, o proponente deverá:

a) Acessar o site da Fundação Grupo Boticário, na seção O que Fazemos/Editais/Linhas de Apoio/Apoio a Projetos clique em INSCREVA-SE para acessar seu cadastro. Caso não tenha cadastro, clique em “…fazer seu cadastro”. Caso tenha cadastro, mas não se lembre da senha, clique em “…recebê-la via e-mail”. Assim, a senha é automaticamente enviada para o e-mail cadastrado;
b) Escolher a linha de apoio desejada e clicar em “+ (novo)” para acessar o formulário. Caso a linha de apoio não esteja disponível, ou edital aberto, não será possível o acesso ao formulário;
c) Preencher as informações necessárias de acordo com as orientações. Ressalta-se que, para que as informações sejam salvas, é necessário clicar no botão CONTINUAR localizado ao final de cada aba;
d) Clicar em VERIFICAR PENDÊNCIAS. Caso haja pendências, estas deverão ser sanadas para finalização do cadastro da proposta;
e) Após o preenchimento completo do formulário, clicar em FINALIZAR PROPOSTA para envio ao banco de dados. Assim que finalizada a proposta, não será mais possível qualquer tipo de edição dos dados.

DO OBJETO
Objeto

A Fundação Grupo Boticário promove pelo vigésimo nono ano consecutivo o seu Edital de Apoio a Projetos, seguindo sua missão de “Promover e realizar ações de conservação da natureza”.
São relevantes propostas que:

•  Tragam resultados concretos imediatos para a conservação in situ;
•  Promovam a integração de diferentes áreas do conhecimento, direcionando esforços sinérgicos para a conservação da natureza;
•  Gerem informações que estejam claramente ligadas a ações futuras de conservação, aplicando o conhecimento obtido;
•  Elucidem aspectos relevantes ou promovam a conservação de hábitats, espécies ameaçadas ou chave para o funcionamento de ecossistemas;
•  Tragam inovações e novas tecnologias para a conservação

Linhas temáticas:

•  Unidades de Conservação de Proteção Integral e RPPNs
•  Espécies Ameaçadas
•  Ambientes Marinhos
•  Soluções para a conservação

Período de Execução: Entre 12 e 36 meses
Valor aportado: R$ 2.000.000 ( o edital não determina mínimos e máximos para a proposta, mas geralmente são aprovados entre 10 e 12 projetos)

Itens Financiáveis:
Bolsas de Iniciação Cientifica.

Informações adicionais
Ressalta-se que todo o processo seletivo da Fundação Grupo Boticário leva em torno de 5 a 6 meses (ver item 5), ou seja, as propostas devem considerar este prazo para o início do projeto.
A Fundação Grupo Boticário também se reserva o direito de considerar inelegíveis propostas que se enquadrem em uma das situações abaixo:

a) Possuir responsável técnico e/ou instituição responsável de projeto em andamento com pendências contratuais, sejam de ordem administrativa, técnica ou financeira;
b) Organizações que tenham sido oficialmente instituídas a menos de um ano na data de fechamento do edital;
c) Que não apresentarem, quando cabível, as autorizações ambientais pertinentes, ou os protocolos de suas solicitações junto aos órgãos competentes, bem como documentos de autorização de proprietários de áreas particulares, quando for o caso;
d) Responsáveis técnicos e/ou instituições responsáveis com histórico de reincidentes atrasos sem prévia autorização ou justificativas aceitáveis no envio de relatórios técnico-financeiros;
e) Instituições com histórico de reincidência no envio de comprovantes de despesas sem a devida comprovação de recolhimento fiscal seja para pagamento de pessoal ou aquisição de suprimentos e equipamentos;
f) Instituições que possuam políticas e/ou normas de gestão de contratos/projetos incompatíveis as utilizadas pela Fundação Grupo Boticário;
g) Instituições que estejam, no momento da assinatura do contrato de patrocínio, relacionadas no Cadastro de Entidades Privadas Sem Fins Lucrativos Impedidas do Governo Federal – CEPIM (http://www.portaltransparencia.gov.br/cepim/).[/vc_column_text][vc_btn title=”VEJA AQUI O EDITAL” shape=”square” color=”warning” link=”url:http%3A%2F%2Fwww.finatec.org.br%2Feditais%2Fedital-fundacao-boticario||target:%20_blank|”][/vc_column][/vc_row]

[Edital] Projeto de P&D

[vc_row][vc_column][vc_column_text]DADOS GERAIS

Edital nº CHAMADA PÚBLICA 001/2019 – CHAMADA PÚBLICA PARA MANIFESTAÇÃO EM ESTABELECER PARCERIA EM PROJETO DE P&D

Financiador: Eletrobrás/ Eletronorte

Modalidade: Chamada Pública

Quem pode participar:

As empresas interessadas nesta Chamada Pública deverão atender aos seguintes requisitos mínimos:

  • Possuir em suas atribuições a atividade de Pesquisa e Desenvolvimento e Fabricação devidamente comprovadas em seu estatuto ou contrato social.
  • Experiência mínima de 10 (dez) anos em:
    • Desenvolvimento de sistemas microprocessados com arquitetura ARM (Advanced RISC Machine) e com arquitetura DSP (Digital Signal Processor);
    • Desenvolvimento de dispositivos e/ou protótipos instrumentais para medição de parâmetros elétricos em subestações de energia elétrica e/ou em redes de transmissão e distribuição de energia elétrica;
    • Desenvolvimento de sistemas eletrônicos embarcados baseados em Kernel Linux e/ou em kernel proprietário específico para tempo real;
    • Desenvolvimento de ferramentas computacionais (firmware/software) dedicados para processamento em tempo real;
    • Desenvolvimento de algoritmos dedicados para processamento de sinais (nos domínios tempo/frequência);
    • Desenvolvimento de ferramentas computacionais dedicadas à operação na internet;
    • Desenvolvimento de produtos com imunidade/compatibilidade eletromagnética para operação em ambientes ruidosos.

**O tempo mínimo de 10 (dez) anos deverá ser comprovado por meio de documento que demonstre a experiência mercadológica do Interessado, abrangendo a venda de solução tecnológica, licenciamento ou atestado de capacidade técnica detalhado, compatível com o objeto desta chamada, emitido por empresa idônea. As empresas reservam-se do direito de diligenciarem a documentação apresentada, sob pena de inabilitação da empresa candidata.

  • Será exigida, em etapa futura, a apresentação de contrapartida economicamente mensurável para o desenvolvimento do projeto de P&D;
  • São impedidas de participar da Chamada Pública e serem contratadas pela Eletronorte as pessoas jurídicas:
  • Que tenham sofrido a penalidade de suspensão temporária de participação em licitação e impedimento de contratar, prevista no inciso III do Artigo 87 da Lei n. 8.666/1993, desde que aplicada pela própria empresa que promove a licitação e/ou a contratação.
  • Que tenham sofrido a penalidade de impedimento de licitar e contratar, prevista no Artigo 7º da Lei n. 10.520/2002 ou no Artigo 47 da Lei n. 12.462/2011, aplicada por qualquer órgão ou entidade integrante da Administração Pública federal.
  • Que tenham sofrido a penalidade de declaração de inidoneidade, prevista no inciso IV do Artigo 87 da Lei n. 8.666/1993, aplicada por qualquer órgão ou entidade integrante da Administração Pública nacional, ou a prevista no Artigo 46 da Lei n. 8.443/1992, aplicada pelo Tribunal de Contas da União.
  • Que tenham sofrido a penalidade de proibição de contratar com o Poder Público prevista nos incisos do Artigo 12 da Lei n. 8.429/1992.
  • Que se referem os Artigo 38 e 44 da Lei n. 13.303/2016.

Prazos:
Até 31/03/2019
Etapas da seleção
Documentação:

• Cópia em arquivo eletrônico do Formulário para Manifestação de Interesse (em anexo) devidamente preenchido e assinado.
• Declaração de nada consta de suas obrigações fiscais, tributárias e trabalhistas.
• Declaração de que não possui grau de parentesco, até o 3º grau, na ELETRONORTE.
• Portfólio institucional e documentação que apresente o atendimento ao item 3 desta chamada.

Informações complementares

FORMA DE ENVIO:
Formulário disponibilizado no site:

Chamada Pública Eletronorte nº 001/2019 – Parceria P&D


Dúvidas ou esclarecimentos necessários à manifestação de interesse deverão ser direcionados ao email pesquisa@eletronorte.gov.br até as 23h59 do dia 27/03/2019, com o assunto “Chamada pública 001/2019 – Sigla dos interessados”.

As respostas para os questionamentos serão publicadas no link INOVAÇÃO E EFICIÊNCIA ENERGÉTICA na página da Eletronorte http://agencia.eletronorte.gov.br/site/eletronorte/inovacao-e-eficiencia- energetica/) até o dia 29/03/2019.

DO OBJETO

Objeto

Visa selecionar empresa ou conjunto de empresas para compor a equipe executora do projeto de P&D para desenvolvimento de Cabeça de Série e Lote Pioneiro de instrumentação embarcada para medição da qualidade da energia elétrica e oscilografia digital.

O projeto será desenvolvido juntamente com a Universidade de Brasília – UnB, na condição de Empresa Executora, tendo a ELETRONORTE como Empresa Proponente.

O desenvolvimento tem como finalidade a integração com ferramenta computacional desenvolvida para a análise da qualidade da energia elétrica constituída de:
• Interface A/D com 8 canais de entrada (4 canais para corrente elétrica e 4 canais para tensão elétrica), resolução de 24 bits por canal e capacidade de configuração da frequência de amostragem para valor igual ou superior 32 k- amostras na digitalização simultânea dos 8 canais de entrada;
• Arquitetura dedicada com processador de sinais para controlar todas as funções de tempo real e transferência de dados e sinais;
• Arquitetura computacional hospedeira de alto desempenho para a execução de algoritmos dedicados;
• Possibilidade do dispositivo atuar com um servidor de rede e software aplicativo para QEE configurável remotamente;
• Plataforma com interface interativa de usuário em ambiente para sistema operacional Windows que realize de forma idêntica, todos os algoritmos de QEE implementados no equipamento;
• Plataforma para oscilografia com compressão de dados – sistema com interface interativa de usuário para simulação de algoritmos de compressão de dados para futura integração ao equipamento desenvolvido; e
• Desenvolvimento de testes de desempenho funcional de instrumentos de medição de parâmetros de qualidade da energia elétrica, para a validação do instrumento em produção.[/vc_column_text][vc_btn title=”VEJA AQUI O EDITAL” shape=”square” color=”warning” link=”url:http%3A%2F%2Fwww.finatec.org.br%2Fsite%2Fwp-content%2Fuploads%2F2019%2F03%2FCHAMADA_P%C3%9ABLICA_PPGDSCI_ALUNOESPECIAL_2019-1_final.pdf||target:%20_blank|”][/vc_column][/vc_row]

Finatec divulga primeiro edital de Fomento de 2018

Foi divulgado nesta segunda-feira (7) o Edital de Fomento 01/2018, com o objetivo de apoiar a apresentação de trabalhos científicos em eventos científicos nacionais e internacionais que ocorram até 31 de dezembro de 2018. A parceria entre a Finatec e o Decanato de Pós-graduação da Universidade de Brasília determina que apenas professores em exercício e aposentados – registrados e credenciados como Pesquisadores Colaboradores, nos termos da Resolução CEPE nº 171/2006 – podem solicitar o apoio previsto. É preciso também que estejam devidamente credenciados a programas de pós-graduação stricto sensu da UnB e possuirem cadastro atualizado de seus currículos na Plataforma Lattes do CNPq.

Os recursos financeiros destinados é de 200 mil reais,  provenientes da receita financeira da Fundação e foram designados para fomento no orçamento desse ano, após aprovação do Conselho Superior, que são destinados para custo de hospedagem, alimentação, locomoção, taxa de inscrição, impressão de material, passagens aéreas, terrestres e marítimas. A apresentação da solicitação de apoio já está em vigência e será recebida até o dia 31 de maio, e deverá ser feita no site https://www.finatec.org.br/fomento0118, juntamente com as documentações precisas citadas no edital.

Para mais informações do regulamento, processo e disposições gerais, o Edital já se encontra disponível no portal da Finatec nesse link.

Exame de Proficiência de Língua Chinesa – Confira o edital.

O Núcleo de Estudos Instituto Confúcio de Brasília (ICB), do Departamento de Línguas Estrangeiras e Tradução da Universidade de Brasília (LET) / Programa Permanente de Extensão UnB Idiomas, sob a organização e procedimentos determinados pelo Governo da República Popular da China (HANBAN), torna públicas as condições para a realização do Exame de Proficiência de Língua Chinesa – HSK níveis 1, 2, 3, 4, 5 e 6.

Inscrições

O período de inscrição é de 16 de abril de 2018 até as 23 horas e 59 minutos do dia 11 de maio de 2018, observado o horário oficial de Brasília/DF, somente via Internet, no link: INSCRIÇÕES

 

Veja as informações completas no edital – Edital 001/2018 – Exame de proficiência de Língua Chinesa

Programa Anual de Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico da CEB – ANEEL – 2018

Prezados,
Diante da publicação da Chamada Pública P&D 001/2018 do Programa Anual de Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico da CEB – ANEEL – 2018, comunicamos que a equipe da Finatec está à inteira disposição para auxiliá-los no desenvolvimento da proposta.

A íntegra do edital pode ser vista aqui e contempla as orientações para submissão de propostas. *Informamos que o link enviado em 06 de abril estava errado. Caso já tenha baixado o arquivo, por favor, solicitamos que faça o download novamente.
Diante disso, para aqueles que desejarem o apoio da nossa equipe, ampliamos a data limite para entrega das proposta até o dia 11/04/2018, quarta-feira.

ATENÇÃO:
Tendo em vista a necessidade de aporte de recursos pela Finatec para posterior ressarcimento pela CEB, os projetos estarão sujeitos à prévia aprovação pelo Conselho Superior da Finatec, bem como à disponibilidade financeira da Finatec.

Nesse sentido, para que tenhamos tempo hábil de analisar e enviar as propostas no prazo de recebimento previsto no edital, colocamos um breve cronograma para orientação dos prazos.

Para mais informações, entre em contato com o Núcleo de Prospecção da Finatec
(61) 3348-0441 ou (61) 3348-0421

Programa de Pesquisa e Desenvolvimento de FURNAS

Diante da publicação do Edital 01/2018 do Programa de Pesquisa e Desenvolvimento de FURNAS, comunicamos que a equipe da Finatec está à inteira disposição para auxiliar  os interessados no desenvolvimento da proposta.

A íntegra do edital pode ser vista aqui e contempla as orientações para submissão de propostas.

Para aqueles que desejarem o apoio da nossa equipe, sugerimos que as propostas nos sejam encaminhadas com a maior brevidade possível, com a data limite de 12/04/2018, para que tenhamos tempo hábil de enviar as propostas no prazo de recebimento previsto no edital.

Nesse sentido, colocamos um breve cronograma para orientação dos prazos:

Para mais informações, entre em contato com o Núcleo de Prospecção da Finatec
(61) 3348-0441 ou (61) 3348-0421 ou pelo e-mail projetosdepesquisa@finatec.org.br

FAPDF lança seleção pública para participação e promoção de eventos no valor de 6 milhões

Por meio do seu programa de Apoio à promoção, realização e organização de eventos científicos, tecnológicos e de inovação, a Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAPDF) torna público os processos de seleção para realização de eventos, congressos, seminários, simpósios e workshops, regionais, nacionais e internacionais– Edital o2/2018, a serem executados entre abril de 2018 à março de 2019.

Os recursos destinados ao Edital, busca incentivar e apoiar a divulgação de conhecimento científico, tecnológico e de inovação, bem como a interação entre os diferentes atores do Sistema Nacional de Ciência e Tecnologia- SNCT de modo a contribuir para o desenvolvimento do Distrito Federal e fortalecer a pesquisa, os programas de pós-graduação, o Sistema Distrital de CTI principalmente nos setores e atividades considerados de importância estratégica para o desenvolvimento econômico e social do Distrito Federal.

Já foram realizadas duas chamadas – para eventos entre abril e junho de 2018.

Estão abertas as inscrições para eventos a serem realizados a partir de Julho/2018. Para eventos a serem realizados em Julho, as inscrições se encerram no próximo dia 29.

Cronogram FAP

PODEM PARTICIPAR DA SELEÇÃO
Podem participar desta seleção, pesquisadores e profissionais em Ciência, Tecnologia e Inovação, com formação, experiência e vínculo permanente com Instituições de Ensino ou Pesquisa, públicas ou privadas; Instituições Governamentais Distritais ou Federais atuantes em CTI; e Empresas de Base Tecnológica, sem fins lucrativos.

FIQUE ATENTO
Todos os candidatos ao processo de seleção deverão ter cadastro atualizado no Sistema de Informação e Gestão de Projetos (SIGFAP) da FAPDF.
Os resultados serão divulgados no sitio da Fundação (fap.df.gov.br) e informado por meio de mensagem via SIGFAP, de acordo com os prazos do mês de participação no evento.

CONFIRA O EDITAL

Edital 02/2018 – FAPDF

Estão abertas as inscrições para o MBA em Compliance e Governança

O Centro de Pesquisa em Gestão, Inovação e Sustentabilidade da Universidade de Brasília – CPGIS Unb, está oferecendo o curso de MBA em Compliance e Governança. A Finatec é responsável pelas questões administrativas e financeiras relacionadas ao curso.

O curso está previsto para ter início em 15 de março de 2018 com aula inaugural do Exmo. Ministro do Superior Tribunal de Justiça Antônio Saldanha Palheiro.

As metodologias utilizadas nas aulas serão estudos de casos práticos, seminários e aulas expositivas, com apoio de uma plataforma virtual. A proposta do curso é promover um ambiente plural de profissionais da área pública, privada e não governamental. Servidores de órgãos de controle, Procuradores, Promotores, Advogados, Executivos, Gestores, Economistas, Publicitários, Contadores, Relações Governamentais, Jornalistas e todos os profissionais ou acadêmicos que atuem na área ou tenham interesse em atuar.

Para mais informações e inscrições entre em contato por e-mail aurelioa@unb.br ou pelo telefone: 61 3348-0456

Veja o Programa do Curso: MBA em Compliance e Governança

 

Boa gestão de recursos libera cientistas para fazer ciência

O tema foi abordado no evento Strategic Workshop de Gestão de Projetos de Pesquisa, na USP

Ocorreu mais uma edição do Strategic Workshop, série de eventos que reúnem pesquisadores da USP em torno de diversos temas transdisciplinares com o objetivo de mapear expertises e promover novos arranjos de pesquisas entre os próprios pesquisadores da Universidade. Em sua 24ª edição, desta vez o workshop contou com o tema “Gestão de Projetos de Pesquisa”.

O evento contou com a participação de profissionais de tecnologia da informação, pesquisadores, professores, funcionários de áreas administrativas e dirigentes da USP e de outras Universidades. O diretor-presidente da Fundação de Empreendimentos Científicos e Tecnológicos (FINATEC), Edson Paulo, qualificou o evento como “uma porta de extrema importância para a compreensão do trabalho do gestor em projetos de pesquisa”.

A discussão foi sobre a necessidade de uma estratégia para o aprimoramento da administração dos recursos de pesquisa e da gestão de pessoas, assim como a necessidade de uma otimização das despesas, tendo em vista o contexto de crise econômica que acaba por refletir no contingenciamento de verbas destinadas à produção científica.

Os participantes se dividiram em grupos e propuseram soluções para problemas reais. “Foi interessante ver cabeças pensantes debatendo assuntos que acontecem no dia a dia do pesquisador. Foram tratadas problemáticas reais em gerenciamento contábil e contratual”, contou Edson.

Responsabilidade equilibrada

Outro destaque importante apresentado no evento foi a responsabilidade de uma boa gestão dos recursos de pesquisa. A FINATEC já realiza a gestão administrativa e financeira de forma clara, eficiente e transparente para pesquisadores da Universidade de Brasília (UnB). O papel da Fundação é garantir ao pesquisador, empresas ou agências financiadoras o suporte necessário para o êxito da pesquisa.

Desta forma, o cientista estará livre de preocupações e ocupações burocráticas, podendo concentrar toda sua energia no trunfo da ciência. “É importante lembrar sempre que tanto o gestor quanto o cientista exercem importantes funções para que a pesquisa tenha total êxito. Uma gestão mal feita pode destruir o futuro financeiro de um cientista, por exemplo. Por isso garantimos que esta é uma preocupação que ele não precisa ter”, concluiu o diretor-presidente.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out LoudPress Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out LoudPress Enter to Stop Reading Page Content Out LoudScreen Reader Support