Casos de sucesso

Respire – Desenvolvimento colaborativo de um protótipo de ventilador mecânico de rápida manufatura

Nos primeiros dias de março de 2020, o professor Daniel Muñoz, docente do curso de Engenharia Eletrônica na UnB Gama, se alarmou com as notícias que chegavam da Europa: na Itália e na Espanha, pessoas morriam de Covid-19, muitas por falta de equipamentos de suporte à respiração. Sabendo que o problema se aproximava do Brasil, ele se reuniu com outros professores do Campus para descobrir o que poderiam fazer para ajudar: a tentativa era de se adiantar à chegada do vírus.

“Pesquisei como se construía um respirador e vi que existem alguns ventiladores pulmonares para construção emergencial. Encontrei, inclusive, uma norma do órgão análogo à Anvisa do Reino Unido mostrando alguns requisitos para a construção desses equipamentos emergenciais”, lembra o professor. Em maio, a Anvisa lançou uma RDC (Resolução da Diretoria Colegiada) com os requisitos para a construção emergencial de ventiladores muito parecida com o documento inglês.

O grupo de professores logo viu que seria possível desenvolver sistemas automatizados para respiração mecânica e decidiu: a meta era construir um protótipo funcional de um ventilador pulmonar emergencial, facilmente replicável e de baixo custo. Começaram a se reunir por videochamada, sempre com uma dúvida no ar: será que eles conseguiriam a permissão de uso do aparelho desenvolvido?

“Sabemos que a indústria médica tem que ser assim, com normas muito rigorosas. Mas nós estávamos assustados, não sabíamos o que ia acontecer em Brasília. Decidimos fazer alguma coisa, e projetar o respirador antes que a coisa começasse a desandar”, comenta o docente.

Em junho, a FAP-DF e a Finatec passaram a apoiar o projeto “Respire – Desenvolvimento colaborativo de um protótipo de ventilador mecânico de rápida manufatura”, coordenado pelo professor Daniel. Atualmente, a equipe de pesquisadores e a Finatec trabalham para adquirir peças para o protótipo – algumas ainda não são tão fáceis de encontrar no Brasil.

“Essa é a principal contribuição, o know-how, saber como construir um aparelho. O que é necessário, o que se encontra no Brasil, o que não se encontra, esse talvez seja o ponto mais importante”, opina o professor.

Para o professor Daniel, um dos destaques da parceria com a Finatec é o apoio administrativo. “Assim, o pesquisador se dedica a pesquisar, e se preocupa menos com a parte de contatar os fornecedores. O tempo de resposta do fornecedor nem sempre é o mesmo, né? Na questão das compras, eles vêm e entregam aqui para mim. Eu só me preocupo em vir, encontrá-los e receber as coisas. É positivo”, comenta.

Coordenador: Prof. Daniel Maurício

Recurso: R$81.630,00

Envolvidos: FAPDF, Finatec, UnB

Assinatura: 08/06/2020

Data fim (previsão): 06/02/2021

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out LoudPress Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out LoudPress Enter to Stop Reading Page Content Out LoudScreen Reader Support