Casos de sucesso

Programa Permanente de Extensão UnB Idiomas

ENTENDA O PROJETO

O Programa Permanente de Extensão UnB Idiomas atua desde 2009 oportunizando a aprendizagem e/ou aquisição de várias línguas para a comunidade da Universidade de Brasília e do Distrito Federal. “O objetivo principal é democratizar o acesso ao ensino e à aprendizagem de língua estrangeira”, conforme explicou o coordenador do projeto Gleiton Malta.

O UnB Idiomas é considerado o maior Programa Permanente de Extensão da Universidade de Brasília, atendendo mais de 50 mil pessoas desde a sua criação. Para melhor executar as atividades, em 2017, o programa compartilhou a gestão administrativa e financeira com a Finatec, que se responsabiliza por uma coordenação transparente e eficiente, além de garantir maior segurança trabalhista a participantes e instrutores do projeto.

“O papel da Finatec é contribuir tanto com a contratação de pessoal quanto com as compras que o programa precisa. Assim que a parceria foi firmada, nós já começamos a lançar os editais para contratação de professores, instrutores e pessoal do administrativo. Assim, garantimos a manutenção do programa com qualidade”, comentou Malta.

Cursos
O UnB Idiomas atende uma demanda anual de cerca de 15 mil alunos divididos em 14 cursos de idiomas. São eles: alemão, árabe, coreano, espanhol, esperanto, francês, grego moderno, hebraico, inglês, italiano, japonês, mandarim, russo e turco. O projeto também oferta formação em libras, audiodescrição, entre outros cursos temáticos.

O coordenador ressalta que o UnB Idiomas não é uma escola, mas um programa de línguas. Ou seja, além de cursos regulares, o programa também engloba áreas como a tradução e as Línguas Estrangeiras Aplicadas ao Multilinguismo e à Sociedade da Informação (LEA-MSI).

Atualmente o programa é composto por seis grandes projetos: (i) cursos abertos e sequenciais ofertados de forma contínua; (ii) cursos corporativos de idiomas, que atendem órgãos do Governo Federal e outras instituições; (iii) Projeto de Estágio Supervisionado, para que estudantes de licenciatura em línguas tenham ambiente real para a prática da docência e da pesquisa no âmbito da Linguística Aplicada,; (iv) Núcleo de Acessibilidades, com oferta de libras e audiodescrição; (v) Cursos temáticos e de Tradução; e, por fim, (v) o Núcleo de Ensino e Pesquisa de Português para Estrangeiros, cujo objetivo é atender a comunidade estrangeira e órgãos ligados à causa além de fomentar a pesquisa na área do português como segunda língua/estrangeira/de herança/etc.

Pesquisa e extensão
Para se consagrar como projeto de extensão e de produção científica, o ambiente de ensino de idiomas serve também como um laboratório multilinguístico extremamente rico para pesquisa. “Não faria sentido ter um programa de tamanha envergadura na universidade sem que nós, pesquisadores, pudéssemos explorar esse ambiente”, comentou o coordenador do UnB Idiomas.

“Nosso trabalho, enquanto pesquisadores, é observar, descrever, propor metodologias, aplicá-las; e o ambiente que o UnB Idiomas oferece é ideal para a realização de pesquisas, principalmente, na área da Linguística Aplicada. Esses estudos, por sua vez, retroalimentam o fazer pedagógico dentro do próprio programa”, esclareceu Malta. Desse modo, o programa reforça a responsabilidade da universidade em contribuir com projetos que beneficiem a comunidade como um todo, além de aproximar a instituição do público externo.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out LoudPress Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out LoudPress Enter to Stop Reading Page Content Out LoudScreen Reader Support