Casos de sucesso

Desenvolvimento de método para recuperação e detecção de SARS-CoV-2 em matrizes aquáticas para fins de monitoramento ambiental

O que a análise do esgoto tem a ver com a vigilância epidemiológica da Covid-19? A pesquisa “Desenvolvimento de método para recuperação e detecção de SARS-CoV-2 em matrizes aquáticas para fins de monitoramento ambiental”, coordenada pela professora Thais Lamounier, busca mostrar que essa relação é possível. 

“Pretendemos fazer um levantamento pelas Estações de Tratamento de Esgoto (ETEs) de Brasília para ver se detectamos o vírus. Não é diagnóstico, é uma vigilância epidemiológica nas 15 estações do DF”, explica a docente do curso de Farmácia da UnB. A ideia é mostrar quais regiões da capital federal estão sendo mais afetadas pela pandemia – um georreferenciamento do vírus em Brasília.

A pesquisa nasceu graças ao conhecimento que estudantes de mestrado acumularam na instituição. “É uma continuidade de um projeto anterior, em que fazíamos análises de bactérias e vírus nas águas de montante e jusante da Caesb. Os alunos haviam padronizado a filtração das águas, e quando veio a pandemia, decidimos usar o mesmo método para detectar o Sars-CoV-2”, comenta a professora Thais.

Com os dados, será possível reconhecer regiões mais afetadas e direcionar esforços para proteger a população do vírus. “Já realizamos três coletas nas 15 ETEs, além do processamento de filtração e concentração das partículas virais. No momento, estamos extraindo o RNA viral e o próximo passo é fazer o RT-PCR para detectar o novo coronavírus”, detalha a pesquisadora.

O projeto faz parte do rol de pesquisas relacionadas à pandemia apoiadas pela Finatec. “O papel da Finatec é muito importante, porque eles fazem a gestão e a execução orçamentária da pesquisa. Isso agiliza muito o processo, porque são eles quem entram em contato com fornecedores, fazem licitações, além de se responsabilizar pela emissão de relatórios. Com isso, a Finatec permite que o pesquisador foque na execução da pesquisa, e a parte burocrática, de trâmites administrativos, ficam por conta deles. É uma parceria muito boa”, elogia.

Coordenadora: Profa. Thais Lamounier

Recurso: R$114.668,00

Envolvidos: FAPDF, Finatec, UnB

Assinatura: 09/06/2020

Data fim (previsão): 21/08/2021

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out LoudPress Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out LoudPress Enter to Stop Reading Page Content Out LoudScreen Reader Support