Notícias

  • Notícias
  • /
  • Seminário Internacional Geografia & Saúde na Finatec

Seminário Internacional Geografia & Saúde na Finatec

Nos dias 26 e 27 de setembro de 2018 a Finatec sediou o Seminário Internacional Geografia & Saúde: Teoria e Método na Atualidade que debateu, a partir de uma visão internacional, os principais métodos e teorias utilizados atualmente no campo da Geografia da Saúde.

A compreensão e a identificação dos atores e das questões que formam e agem sobre o espaço geográfico é uma das principais contribuições que a geografia pode oferecer para a saúde. Nesse processo destacam-se as diversas especialidades da geografia que observam o ambiente. De acordo com Helen da Costa Gurgel, professora da Universidade de Brasília e coordenadora do evento no Brasil, as geografias econômica, política e cultural são o coração das análises do ambiente. “Assim, as ferramentas de geoinformações, que os geógrafos tão bem manipulam, como a elaboração de cartas e análises espaciais, são um importante apoio para a saúde pública” – destaca a professora.

A interpretação espaço-temporal dos fatores do meio físico e humano também são importantes na medida que norteiam o comportamento da saúde das populações e revelam aos riscos sanitários aos quais estão expostas.

O evento também foi o local de lançamento do Dossiê Franco-Brasileiro de Geografia e Saúde da Revista Confins. O dossiê contém uma diversidade de análises sobre as interrelações entre o ambiente e a saúde, baseadas essencialmente no papel das desigualdades espaço-temporais e a mobilização de ferramentas e métodos geográficos que trazem um olhar inovador para um aspecto do conhecimento a ser integrado nas abordagens científicas das áreas.

De acordo com Gurgel, os autores dos artigos do dossiê estão associados à rede construída como parte do projeto JEAI-GITES (Jovem Equipe Associada ao IRD – Gestão, Indicador e Território: Ambiente e Saúde no Brasil) que a professora e sua equipe coordenam desde 2015.

Já o Programa JEAI (Jeunes Equipes Associées) é uma iniciativa do IRD (Institut français de Recherche pour le Développement) voltada para o fortalecimento de equipes de pesquisa de países do Sul, no âmbito de parcerias científicas com unidades de pesquisa do IRD.

O objetivo do reunir o JEAI GITES é fortalecer o lugar da geografia da saúde na elaboração de sistemas de melhoria do conhecimento, vigilância e alerta, de modo a integrar as disparidades espaciais das condições de saúde com as dinâmicas socioambientais dos territórios.

Em 2019, a cidade de Blumenau, em Santa Catarina, foi a escolhida para receber o IX Simpósio Nacional de Geografia da Saúde, com o tema “Em defesa do SUS….MAIS Geografia”.  Nesse cenário, a comissão organizadora considerou dois contextos: o político, no qual o Brasil vem experimentando o aprofundamento dos cortes em gastos sociais e, consequentemente, possíveis retrocessos das conquistas do SUS, desde a constituição de 1988, e o local da cidade anfitriã, onde os desastres naturais e os impactos na rede de atenção básica, são emblemáticos.

O evento ocorrerá no período de 19 a 21 de junho 19 de 2019, para mais informações, acesse o site:
http://inscricao.eventos.ifc.edu.br/index.php/geosaude/geosaude/schedConf/overview

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out LoudPress Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out LoudPress Enter to Stop Reading Page Content Out LoudScreen Reader Support