Notícias

  • Notícias
  • /
  • FINATEC oferece curso de Algo Trading para...

FINATEC oferece curso de Algo Trading para garantir renda extra operando no mercado financeiro

[vc_row][vc_column][vc_column_text]Está em busca de liberdade financeira? Possui interesse em investir na bolsa de valores? O algo trading pode ser uma ótima opção para quem deseja aumentar o retorno de capital. Por isso a Academia FINATEC oferece o curso Métodos e Técnicas Aplicados à Algo Trading, que ocorrerá a partir do dia oito de outubro com um investimento de R$ 5.500, o segundo lote. As vagas são limitadas e podem ser garantidas pelo portal clicando aqui.

A formação, voltada para estudantes e profissionais ligados as áreas de tecnologia e finanças, traz uma proposta audaciosa: passar o conhecimento necessário para conhecer os algoritmos usados para trading por robôs ou experts, como desenvolver estratégias e implementar sistemas de gestão de risco. Ademais, o curso trará conceitos da área de finanças e finanças quantitativas, de modo que o aluno possa expandir o conhecimento de forma autônoma e desenvolver algo próprio.

Serão 72 horas de aulas, com encontros terças e quintas, das 19h30 às 22h30, e sábados, das 8h às 15h. Os estudantes passarão por dois módulos – trading para bolsa de valores e trading quantitativo -, que trazem desde conceitos básicos sobre investimentos até conhecimentos técnicos sobre operações na bolsa. Caso aja interesse, é possível se matricular em apenas um dos módulos.

Vamos conversar sobre Algo Trading?

Para divulgar o curso, os docentes se reuniram no dia 19 de setembro em um seminário introdutório sobre algo trading. De acordo com uma das professoras, Tânia de Oliveira, que atua desde 2017 no mercado financeiro, operar como trader não exige muito: “é necessário ter noções de informática e um computador com acesso à internet”, informou. Junto dela, os professores doutores Geovany Borges e Marcelino de Andrade também irão compartilhar suas expertises como investidores e traders durante os dois módulos de formação.

“O primeiro módulo é fundamental, porque traz noções básicas do mercado financeiro: como se opera manualmente e o que é um indicador, por exemplo. Seria o requisito mínimo para operar como trader. Uma vez que o conhecimento esteja sedimentado, podemos passar para o segundo nível, quando automatizamos alguns processos que o aluno já aprendeu manualmente”, explicou Andrade, que investe por meio da aplicação de ferramentas quantitativas e algoritmos.

O tema chamou a atenção de inúmeros investidores e estudantes que se interessam pelo mercado financeiro. O assessor de investimentos José Carlos Passos compareceu ao evento no intuito de melhorar o atendimento a seus clientes. “Eu opero na bolsa, mas costumo trabalhar mais com o dinheiro de outras pessoas. O seminário foi essencial para abrir meus horizontes e aprender mais sobre transações como o algo trading”.

O professor de engenharia eletrônica da UnB, Gilmar Beserra, também compareceu ao seminário no intuito de abrir os horizontes em relação ao mercado financeiro. “Nunca operei como trader, mas tenho interesse em participar do curso para entender como funciona, porque vejo uma oportunidade interessante de fazer renda extra”, comentou.

Lucro em momentos adversos

O interessante de se trabalhar com trading é que as operações devem se encaixar de acordo com a rotina e disponibilidade de cada um, havendo assim várias modalidades, como o day trading, swing trading e position trading, como foi explicado no seminário. Vale ressaltar também que o trader não possui limitação geográfica, podendo garantir uma renda extra desde casa ou em qualquer outro lugar do mundo.

Durante o curso, os docentes irão explicar a possibilidade de ganhar dinheiro inclusive quando o mercado cai, ou seja, o aluno saberá quais os melhores momentos para fazer operações de compra ou venda de ativos a fim de garantir dinheiro em diferentes momentos da economia. “O objetivo do algo trading é aumentar a probabilidade de sucesso em operações com redução de risco”, comentou Borges, que desenvolve técnicas de trading algorítmico e finanças quantitaivas, e brincou: “Só se paga imposto em cima do lucro, por isso trader gosta de pagar, porque está sempre no lucro”.

Mas, antes de começar a operar é importante entender como funciona a bolsa de valores e acompanhar o mercado financeiro. Quando Oliveira aprendeu a dinâmica da bolsa, por exemplo, antes mesmo de investir o próprio dinheiro, ela ficou seis meses simulando até sentir confiança suficiente para operar, de fato, como trader.[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column width=”1/1″][minti_gallery ids=”23694,23695,23696,23697,23698,23699,23700,23702,23703,23704,23705,23709,23711,23712,23713,23714,23715,23716,23717,23718,23719,23720,23721,23722,23723,23724,23726,23727,23728,23729,23730,23732,23733,23735,23736,23737,23739,23741,23742,23744,23745″ columns=”6″ style=”2″][/vc_column][/vc_row]

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out LoudPress Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out LoudPress Enter to Stop Reading Page Content Out LoudScreen Reader Support